Planejamento

Começando a Preparação

Vocês não irão se casar hoje. Porém, a partir de agora, preocupem-se em começar a preparação com calma. Com planejamento criterioso e detalhado, tudo ficará mais fácil. Se isto ajudar, fizemos um pequeno planejamento de dezoito meses, isto é importante para que não fique alguma coisa de fora. Lembre-se, quanto antes os contratos forem fechados mais tempo haverá para o pagamento e, também, será possível evitar reajustes e aumentos. Então mãos a obra, bom planejamento e felicidades. 

18 meses antes:

  • Fazer uma lista inicial de convidados;
  • Definir o orçamento da celebração (o quanto desejam e podem gastar);
  • Pesquisar e selecionar fornecedores para igreja ou templo, e local da festa;
  • Definir a data do casamento;

 17 meses antes:

  • Escolher a igreja;
  • Escolher o local da festa;

16 meses antes:

  • Pesquisar e selecionar fotógrafos e cinegrafistas;

 15 meses antes:

  • Escolher fotógrafo;
  • Escolher cinegrafista;

 13 meses antes:

  • Pesquisar e selecionar propostas de bufê;
  • Pesquisar e selecionar propostas de DJ;

 12 meses antes:

  • Escolher o bufê;
  • Escolher o DJ;
  • Reservar a data com o celebrante;
  • Reservar maquiador e cabeleireiro;
  • Pesquisar e selecionar músicos para a cerimônia;
  • Começar a planejar a lua de mel;   

 10 meses antes:

  • Se a opção for fazer o vestido, comece a visitar lojas e estilistas;
  • Pesquisar e selecionar decoradores para a festa;
  • Se for contratar banda para a festa, chegou a hora de pesquisar;

 9 meses antes:

  • Escolher o decorador da festa;
  • Começar a planejar a lua de mel;
  • Pesquisar e selecionar decoradores para a igreja;
  • Contratar a atração especial da festa;
  • Se resolver alugar o vestido, começar a visitar as lojas;

8 meses antes:

  • Escolher a decoração da igreja;
  • Se decidir contratar serviço de open bar, comece a pesquisar e selecionar;

7 meses antes:

  • Contratar serviço de open bar;

 6 meses:

  • Convidar testemunhas ou padrinhos, daminhas e pajens para a cerimônia;
  • Pesquisar e selecionar fornecedores de bolos, doces e bem-casados;
  • Fechar a lua de mel, e começar fazer as reservas de hotel e passagens (diretamente, ou por meio de agência de turismo);

 5 meses antes:

  • Escolher bolos, doces e bem-casados;
  • Definir a decoração com o cerimonial e decorador;
  • Pesquisar topo de bolo;
  • Pesquisar convites;

4 meses antes:

  • Escolher o topo de bolo;
  • Escolher convites;
  • Definir o carro da noiva;
  • Encomendar possíveis lembrancinhas para convidados e padrinhos;
  • Comprar o sapato da noiva;
  • Providenciar bebidas da festa que não sejam oferecidas no bufê;

 3 meses antes:

  • Escolher o buquê e as lapelas;
  • Escolher grinalda, véu e todos acessórios da noiva;
  • Providenciar os documentos para o casamento civil;
  • Definir a roupa do noivo, padrinhos, damas e pajens;
  • Escolher as músicas da cerimônia;
  • Caso seja vontade do casal, fazer um site do casamento;

 2 meses antes:

  • Começar a entregar os convites;
  • Fazer degustação do cardápio da festa;
  • Contratar os seguranças da festa;
  • Começar a organizar o chá de panela ou chá bar;

 1 mês antes:

  • Reunião final com o decorador;
  • Conversar com o celebrante, quando for o caso;
  • Reunião com o DJ para definir as músicas da festa;
  • Mandar gravar os nomes nas alianças e dar polimento;
  • Terminar de entregar os convites;
  • Fazer o chá de panela ou bar;

 15 dias antes:

  • Fazer a prova do cabelo e maquiagem;
  • Acertar todas as despesas do casamento. Checklist do que já foi pago e do que ainda falta pagar;
  • Reunir os contatos dos fornecedores e entregar para o cerimonial;

 Na semana do casamento:

  • Reunião final com o cerimonial;
  • Fazer o ensaio da cerimônia;
  • Arrumar a mala da lua de mel, incluindo vouchers de viagem e passaportes;
  • Pegar o vestido de noiva e os acessórios;
  • Fazer procedimentos de beleza;

 No dia:

  • Se alimentar bem, mas sem exageros;
  • Não se atrasar;
  • Confiar nas empresas e profissionais contratados e aproveitar o grande dia!

Concluindo…

A cerimônia de seu casamento é acontecimento único e como tal, não há lugar para outros sentimentos que não sejam os de alegrias e felicidades. Ponderar as suas exigências e possibilidades é a melhor maneira de se evitar frustrações, venham elas da alma ou de ordem material.

Estamos aqui para ajudar, se precisar liguem para nós.

Revdo. Almir

* Adaptado do Guia do Casamento – PROTESTE Associação de Consumidores – 2015
https://www.proteste.org.br